AQUELE QUE VIVE DE SONHOS

AQUELE QUE VIVE DE SONHOS, É FELIZ E HONRADO!
Nossa cidade merece sorrir!
Através deste blog você fica conhecendo minhas idéias, meu trabalho e interage comigo, contribuindo para o meu crescimento pessoal e profissional! Sinta-se à vontade para comentar!Grato!
‎"Quem não pode atacar o argumento ataca o argumentador."

Este Blog dedica-se à política na esfera municipal em qualquer parte do país. Logo, casos de corrupção em nível estadual e federal estão disponíveis apenas no meu Facebook. Raramente trato deles aqui.
Me adicione no Facebook: Aldeir Félix Honorato
Siga-me no Twitter: @AldeirFHonorato

terça-feira, 21 de setembro de 2010

MARCOS NOVAES PARA FORTALECER A REGIÃO CENTRO SUL FLUMINENSE!

Marcos Novaes tem uma história de integridade na vida pública, capacidade de liderança e idealismo por um País Justo e Soberano.

Marcos José Marques Novaes nasceu em Itajaí (SC) em 10 de junho de 1965, vindo morar em Petrópolis aos seis anos de idade.
Iniciou sua atividade política no Movimento Estudantil, em 1979. Foi presidente do Grêmio do Colégio Opção, da Associação Petropolitana dos Estudantes (APE) e colaborou para a reabertura da UNE e UBES (União Brasileira dos Estudantes Secundaristas) para a qual foi eleito vice-presidente em 1981. Novaes participou da campanha pela anistia dos perseguidos políticos pela ditadura militar e ajudou a criar o Movimento de Defesa dos Direitos Humanos em Petrópolis. Em 1980, aos 16 anos de idade, Novaes foi um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores (PT) em Petrópolis.
A vocação para as causas sociais esteve sempre em evidência na sua atuação, desde o apoio às famílias da antiga fábrica Cometa, por exemplo, ou como membro do Fórum da Criança e do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, além de ter ajudado a organizar dezenas de associações de moradores e sindicatos de trabalhadores de Petrópolis.
Em 2001, assumiu a presidência da COMDEP, maior empresa pública do Município e terceira maior empresa de limpeza pública do estado do Rio de Janeiro, com mais de mil funcionários.
Em menos de um ano, a limpeza urbana (umas das principais atribuições da empresa) tornou-se o melhor serviço público prestado na cidade, conforme atestou uma votação popular. Novaes providenciou uma nova sede para a empresa (a maior reivindicação dos servidores), implementou para os funcionários um café da manhã reforçado, lançou programa modelo de alfabetização de adultos (em sua gestão mais de 70 trabalhadores da Comdep voltaram às salas de aula através do programa de alfabetização criado na empresa) e ações de prevenção de acidentes foram adotadas.
Criou frentes emergenciais de trabalho com a força tarefa de 1.058 homens e mulheres que reforçaram a limpeza de encostas e bueiros nos meses críticos de verão. Ampliou o recolhimento de lixo hospitalar, reformou o incinerador da Comdep e revolucionou as condições do aterro de lixo de Pedro do Rio, transformando o antigo lixão em aterro controlado com drenos para gases e chorume, adequando a área às normas do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) e conseguindo aprovação pelo Ibama e Feema. Com novas atribuições, a Comdep abriu mais de 500 postos de trabalho através de concurso público. Pela primeira vez na história do município, candidatos não pagaram taxa de inscrição. As provas de seleção foram práticas, o que deu oportunidade a analfabetos.
Na Praça da Liberdade, Novaes reformou o antigo Bar Ruy Barbosa, reaberto como um Centro de Informações Turísticas, com sanitários adaptados para portadores de deficiência e fraldário.
Reformou o Parque Municipal de Itaipava que ganhou bicicletário, lanchonete e duchas ao longo da ciclovia, além de mais de mil novas árvores plantadas em sua gestão.
Com a reurbanização da Praça Duque de Caxias, construiu a primeira pista de skate da cidade com dimensões oficiais.
Criou o Programa Municipal de Arborização e o horto Chico Mendes, para a produção de mudas de espécies da Mata Atlântica.
Com esse passado de muito trabalho e lutas em favor da ética na administração pública e na política, sempre em busca da melhoria da qualidade de vida da população, principalmente dos mais pobres, Novaes iniciou seu mandato na Câmara Municipal de Petrópolis em 2004.
Marcos Novaes procurou qualificar o debate político na defesa dos interesses populares, da lisura e da ética pública. Eleito para ser presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e Assuntos Comunitários e membro da Comissão de Defesa do Meio Ambiente, Planejamento, Uso, Ocupação e Parcelamento do Solo, Novaes se destacou também por apresentar muitas idéias para melhorar a saúde e garantir a participação do povo petropolitano nas decisões mais importantes sobre o futuro da cidade.
Novaes foi eleito também como representante da Câmara Municipal junto ao Conselho Municipal de Educação.
Em 2008, Marcos Novaes se candidatou a prefeito de Petrópolis obtendo quase 27mil votos, ficando em terceiro lugar no pleito.
No ano de 2009, Novaes entrou para o PV e hoje se encontra na Executiva Nacional do Partido Verde a convite da Senadora Marina Silva (PV-AC) candidata do PV a presidência da Republica.

Maiores informações pelo site blogaopv.blogspot.com

Nenhum comentário: