AQUELE QUE VIVE DE SONHOS

AQUELE QUE VIVE DE SONHOS, É FELIZ E HONRADO!
Nossa cidade merece sorrir!
Através deste blog você fica conhecendo minhas idéias, meu trabalho e interage comigo, contribuindo para o meu crescimento pessoal e profissional! Sinta-se à vontade para comentar!Grato!
‎"Quem não pode atacar o argumento ataca o argumentador."

Este Blog dedica-se à política na esfera municipal em qualquer parte do país. Logo, casos de corrupção em nível estadual e federal estão disponíveis apenas no meu Facebook. Raramente trato deles aqui.
Me adicione no Facebook: Aldeir Félix Honorato
Siga-me no Twitter: @AldeirFHonorato

segunda-feira, 27 de junho de 2011

SAIBA PORQUE NO JAPÃO NÃO EXISTEM ALAGAMENTOS/ENCHENTES


Por que Tóquio não alaga?

Piscinões recolhem água da chuva em caso de alerta em Tóquio


VEJA TAMBÉM NO JORNAL NACIONAL


Governo do Japão investe bilhões para prevenir a cheia de Rios

A obra custou o equivalente a mais de R$ 3,6 bilhões. Mas, só no ano passado, livrou a região de quatro enchentes. O reservatório também virou uma atração turística.





Anualmente uns 25 tufões assolam o território japonês.


Desses, dois ou três atingem Tóquio em cheio, com chuvas fortíssimas durante várias horas ou até um dia inteiro.


Mas nem por isso ocorrem enchentes ou alagamentos na cidade.


Por que será? Veja as explicações abaixo.




Subterrâneos de Tóquio


O subsolo de Tóquio alberga uma fantástica infraestrutura cujo aspecto se assemelha ao cenário de um jogo de computador ou a um templo de uma civilização remota.


Cinco poços de 32 m de diâmetro por 65 m de profundidade interligados por 64 Km de túneis formam um colossal sistema de drenagem de águas pluviais destinado a impedir a inundação da cidade durante a época das chuvas.



A dimensão deste complexo subterrâneo desafia toda a imaginação.


É uma obra de engenharia sofisticadíssima realizada em betão, situada 50 m abaixo do solo, fato extraordinário num país constantemente sujeito a abalos sísmicos e onde quase todas as infraestruturas são aéreas.


A sua função é não apenas acumular as águas pluviais como também evacuá-las em direção a um rio, caso seja necessário.


Para isso dispõe de 14.000 HP de turbinas capazes de bombear cerca de 200 t de água por segundo para o exterior.



FONTE: http://www.conversaafiada.com.br/mundo/2011/03/16/por-que-toquio-nao-alaga-porque-tem-piscinao-que-o-cerra-nao-fez/

Um comentário:

Anônimo disse...

http://www.entreriosjornal.com.br/noticia/22843--flagrante-e-o-aumento-da-violencia-em-paraiba-do-sul-nos-ultimos-meses-,-afirma-juiz