AQUELE QUE VIVE DE SONHOS

AQUELE QUE VIVE DE SONHOS, É FELIZ E HONRADO!
Nossa cidade merece sorrir!
Através deste blog você fica conhecendo minhas idéias, meu trabalho e interage comigo, contribuindo para o meu crescimento pessoal e profissional! Sinta-se à vontade para comentar!Grato!
‎"Quem não pode atacar o argumento ataca o argumentador."

Este Blog dedica-se à política na esfera municipal em qualquer parte do país. Logo, casos de corrupção em nível estadual e federal estão disponíveis apenas no meu Facebook. Raramente trato deles aqui.
Me adicione no Facebook: Aldeir Félix Honorato
Siga-me no Twitter: @AldeirFHonorato

sábado, 23 de julho de 2011

Desemprego aumentou em Paraíba do Sul no mês de junho

Uns dirão que é coincidência, outros falarão que é falta de sorte, mas é política mesmo!
Conseguir a aprovação de um loteamento, por exemplo, em Paraíba do Sul, pode levar mais de 6 meses, só por causa de burocracia e ineficiência estatal.
Ao invés de investir na modernização da máquina pública, governo adota gestão de rotina inchaço governamental
Pior é que quem mais gera emprego disparado na cidade é a prefeitura!
Isso revela uma situação preocupante: O setor privado está sufocado e não acredita no município. Encontrando com alguns amigos de micro-empresários que fecharam as portas em Paraíba do Sul, inclusive empreendedores individuais, alguns optaram por montar seu próprio negócio no município vizinho, Três Rios, afirmando que foi a melhor decisão que tomaram, que aqui “as coisas não iam pra frente”.
São sulparaibanos que perderam a confiança na própria terra.
Destaco o comércio local, que fechou muitas vagas, visto que o mesmo está gradativamente perdendo sua competitividade frente ao comércio trerriense.
Gostaria que meu discurso fosse realmente sensacionalista como alguns rotularão, mas temo retratar uma dura realidade.
O barco está afundando e quando perceberem será muito tarde.
Leia matéria do Entre-Rios Jornal: Destaques e grifos são meus.

Autor: Riley Rodrigues
O desemprego aumentou em Paraíba do Sul no mês de junho. Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho e Emprego, que considera o mercado formal, foram fechadas 37 vagas com carteira assinada no município no período. O resultado apresentou uma queda de 0,59% na comparação com o mesmo período do ano passado.
        Os únicos resultados positivos do mercado formal de empregos do município no mês de junho foram registrados no setor de serviços, que contratou 19 trabalhadores, e na construção civil, onde foram contratados 13 trabalhadores. O pior desempenho no período foi registrado na indústria de transformação, que fechou 59 vagas.
Apesar do resultado negativo no mês de junho, no acumulado do primeiro semestre o mercado de trabalho formal de Paraíba do Sul registra crescimento, com a geração de 240 vagas. Esse resultado é puxado pela administração pública, com a contratação de 101 trabalhadores celetistas, e pela indústria de transformação, que acumula a contratação de 96 empregados formais. A construção Civil registra um saldo de 48 contratações, o setor de serviços oito e a agropecuária oito. O comércio fechou 40 vagas no período e o setor de serviços industriais de utilidade pública uma.

No acumulado de 12 meses Paraíba do Sul contabiliza a criação de 584 vagas, um crescimento de 10,33% na comparação com os 12 meses anteriores. O setor de serviços gerou 254 vagas e a indústria de transformação 216. Também acumulam resultados positivos a construção civil com 83 vagas, o comércio com 29, a agropecuária com 13 e a indústria extrativa mineral com cinco. Apenas dois setores registram fechamento de vagas no período de julho de 2010 a junho desse ano: a administração pública (-15) e serviços industriais de utilidade pública (-1).
Confira na tabela o comportamento do mercado formal de empregos de Paraíba do Sul.

Nenhum comentário: