AQUELE QUE VIVE DE SONHOS

AQUELE QUE VIVE DE SONHOS, É FELIZ E HONRADO!
Nossa cidade merece sorrir!
Através deste blog você fica conhecendo minhas idéias, meu trabalho e interage comigo, contribuindo para o meu crescimento pessoal e profissional! Sinta-se à vontade para comentar!Grato!
‎"Quem não pode atacar o argumento ataca o argumentador."

Este Blog dedica-se à política na esfera municipal em qualquer parte do país. Logo, casos de corrupção em nível estadual e federal estão disponíveis apenas no meu Facebook. Raramente trato deles aqui.
Me adicione no Facebook: Aldeir Félix Honorato
Siga-me no Twitter: @AldeirFHonorato

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

MP pede afastamento da prefeita Aparecida Panisset e de dois secretários de São Gonçalo

GENTE, ISSO NUNCA ACONTECEU EM PARAÍBA DO SUL!
NUNCA NA HISTÓRIA DE NOSSO MUNICÍPIO HOUVE UM PREFEITO QUE OBRIGAVA OS FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS, CONTRATADOS OU COMISSIONADOS, A TRABALHAR NA CAMPANHA DE REELEIÇÃO PRÓPRIA OU DE SUCESSOR, MUITO MENOS DE CANDIDATO A VEREADOR! 
VIVEMOS NUM PARAÍSO!

MP denuncia Aparecida Panisset, prefeita de São Gonçalo, de desviar dinheiro público

RIO - O afastamento da prefeita de são Gonçalo, Aparecida Panisset, e de dois secretários foi pedido pelo Ministério Público do Rio (MPRJ) por conta de acusações de uso da máquina pública nas eleições de 2010. A promotoria entrou com duas ações civis de improbidade administrativa contra Panisset, seu irmão, o secretário municipal de Saúde, Márcio Panisset, e a secretária municipal de Educação, Keyla Nícia Carvalho da Silva. Eles são acusados de usar a máquina pública para favorecer a candidatura de Márcio Panisset a deputado estadual, em 2010.
A ação sobre uso da máquina pública para fins eleitorais menciona a coação de servidores e ocupantes de cargo em comissão, especialmente das pastas de Saúde e Educação. Eles seriam obrigados a participar de reuniões de campanha e atuar como cabos eleitorais de Márcio, durante a jornada de trabalho e em horários de folga, sob pena de exoneração.
De acordo com a ação, os funcionários eram coagidos a comparecer ao comitê do candidato, onde assinavam a folha de frequência. De lá, partiam para distribuir material de propaganda. Segundo a Promotoria, veículos contratados para o transporte escolar de alunos da rede municipal foram irregularmente utilizados para levar os servidores aos locais onde teriam que panfletar.
O MPRJ recebeu centenas de denúncias sobre o uso da máquina pública para fins eleitoreiros, violando a Lei de Improbidade Administrativa. A Promotoria afirma que a secretária de Educação participava diretamente da campanha, fiscalizando as atividades dos servidores, que foram coagidos com a anuência da prefeita, em benefício do candidato.
Na outra ação, os mesmos réus são acusados de se promover distribuindo, com uso de recursos públicos, agendas e cadernos a professores e alunos da rede municipal de ensino com fotografias de eventos públicos dos quais fizeram parte. As fotografias mostram a prefeita e os secretários participando de inaugurações, realizando discursos, posando com crianças.

FONTE:http://oglobo.globo.com/rio/mat/2011/08/17/mp-pede-afastamento-da-prefeita-aparecida-panisset-de-dois-secretarios-de-sao-goncalo-925145808.asp

Nenhum comentário: